Se você é do tipo observador, com certeza já reparou que as prateleiras das farmácias e dos supermercados estão cada vez mais repletas de produtos de beleza específicos para nós homens.

Eu agradeço todos os dias pela indústria de cosméticos ter passado a olhar para a gente com outros olhos. Afinal de contas, nós também queremos estar bonitos e cheirosos. Antigamente, quantas vezes passamos algum produto em nosso rosto e, minutos depois, tudo estava vermelho?

E não era de vergonha, não! Muito pelo contrário: sensibilidade. Sim, meu caro leitor, homens também têm pele sensível. “A pele masculina, normalmente, já é mais espessa, mais oleosa, tem mais pelo e o pH é mais ácido.

E quando a pele está mais sensibilizada, algumas características se alteram. Pode ter uma vermelhidão, descamar, ter uma ardência, etc. Tudo isso é sintoma de uma pele sensível”, explica Rafael Pessanha, dermatologista do Espaço Volpi, em São Paulo.

Quando a dermatite é chamada seborreica, temos a pele vermelha e descamativa, principalmente na sobrancelha e cantos do nariz e boca. “Já na dermatite atópica, a sensibilidade se dá por conta de qualquer estímulo interno e externo. A pela fica vermelha, com escamação e coça”, diz Ricardo Fenelon, dermatologista.

   

Sabia que até as variações de temperatura podem causar essas irritações? É isso mesmo! No bate papo que tive com Tatiana di Perrelli, dermatologista, ela me contou que o frio e até mesmo o vento mais forte podem trazer a vermelhidão. Isso porque esses dois elementos ressecam a pele com facilidade, o que leva aos problemas listados.

Substâncias mais Comuns

special-party-2531616_m_nAlém da ação da natureza, existem algumas químicas que são típicas para trazer problemas às peles mais sensíveis. “As substâncias mais comuns para os homens são: sabonetes alcalinos (o principal), por causa da diferença do pH, loções alcoólicas – independente do ativo –, produtos abrasivos, como esfoliantes e até perfumes”, conta Pessanha.

Também é preciso ficar de olho nos produtos com enxofre. Afinal de contas, esse elemento pode deixar a pele ainda mais ressecada. E, aí, meu amigo, já sabe: coceira e aquela sensação de pinicar a pele.

Está liberado!

Fique calmo! Não são todos os produtos que você precisa passar longe. Existem aqueles que são amigos da pele sensível (graças a Deus). De acordo com Fenelon, o primeiro passo recomendado para quem tem a sensibilidade é passar por uma avaliação médica.

“Em alguns casos, requisitamos testes alérgicos para que possamos definir a medicação correta. Existem linhas de produtos chamadas hipoalergênicas, que tem a possibilidade menor de irritação e que são recomendadas para quem tem sensibilidade”, acrescenta.

Além dessas, hoje em dia existem várias outras linhas, desde sabonetes até protetor solar. “O ideal é utilizar tudo o que funcione como anti-inflamatório, como hidratantes com ação calmantes, água termal, etc. E lembre-se sempre que a sensibilidade é uma inflamação da pele”, esclarece Pessanha.

Na conversa que tive com Tatiana, ela indicou algumas substâncias específicas, como dextran, alfabisabolol e nicotinamida, que atuam restaurando a barreira cutânea e acalmando a pele.

De olho na Sua Rotina

Muitas vezes, podemos estar fazendo coisas ao longo do dia com a nossa pele que contribua para aparecer a vermelhidão e a coceira. Lavar o rosto em excesso, por exemplo, é uma delas, pois irrita as glândulas sebáceas.

“Recomendamos que se lave, no máximo, 3 vezes ao dia e com o sabonete adequado para o tipo de pele, seja seca ou oleosa”, aponta Rafael Pessanha. Outro grande erro que as pessoas cometem é utilizar produtos com álcool para a limpeza da pele.

face-wash-864x576“Normalmente, o que se vê é passar um algodão com álcool no rosto, que sairá marrom. Então, as pessoas acham que a pele está suja, mesmo depois de lavar. Um grande erro, pois essa coloração são as células mortas e na vontade de limpar acabam esfregando forte, o que irrita a pele”, afirma o dermatologista.

Banhos muito quentes, sauna, vento frio e baixas temperaturas também podem acarretar em uma pele mais sensível e ressecada. Além disso, tem o excesso de sol, afinal de contas, quanto mais clara a pele for, menos ela consegue se defender do sol. E isso pode acarretar em queimaduras e irritações.

E sobre a temperatura da água para lavar o rosto, a maioria dos profissionais que entrevistei é enfático: nem gelada e nem quente. O melhor é a temperatura normal, de água corrente. Para evitar os extremos que são sempre prejudiciais.

Esfoliante e Protetor Solar

Duas dúvidas bastante comuns. Será que homens com peles mais sensíveis podem usar esfoliantes? A resposta é não! Isso porque o produto é uma agressão a barreira cutânea. “Ao rompermos essa barreira, a sensibilidade fica ainda maior e os típicos sintomas aparecem no mesmo instante”, afirma Tatiana.

A dermatologista ainda conta que o esfoliante pode ser usado somente por quem tem a pele sensível e oleosa. Mas deve tomar bastante cuidado, passando o produto de forma leve, sem friccionar muito. Ah! E no máximo 1 vez por semana.

Já o protetor solar deve ser utilizado sempre. Para quem tem sensibilidade, o indicado é o uso de produtos específicos para esse tipo de pele. “O importante é evitar dois ativos em filtro solar para quem tem pele sensível: óxido de zinco e óxido de titânio, que são filtros solares físicos que pioram a sensibilidade”, alerta Rafael Pessanha.

screen-shot-2016-04-29-at-12-12-33-pmAlém disso, os produtos devem ter ativos calmantes, não conter parabenos e ter pouco filtros químicos. “Isso porque esses elementos podem desencadear alergias maiores, já que são absorvidos pela pele. Os filtros físicos atuam na derme como bloqueadores dos raios solares, impedindo a sua penetração”, conta Tatiana di Perrelli.

O ideal é sempre ter em mente que o protetor solar só ajuda, independente se a pele for sensível ou não. O importante é estar sempre protegido do sol. “Recomendamos que o paciente utilize o protetor solar adequado para o tipo de pele. O ideal é utilizar creme ou loção para peles secas e gel para epiderme oleosa”, aponta Ricardo Fenelon.

Irritou, e agora?

mens_fitness_facial_smallerMas, se mesmo depois de ler esse texto que escrevi, por algum motivo você deixou a sua pele irritada, existem algumas soluções instantâneas. A começar pela compressa de camomila. A planta contém substâncias calmantes que iram amenizar a irritação da pele.

Você também pode lavar o rosto com sabonetes de pH perto de 5. Sem esquecer de aplicar água termal, que contém calmantes e antioxidantes.

Bumbum de Nenê

Além de seguir à risca todas as dicas que eu e os profissionais entrevistados demos, também é recomendado procurar o seu médico dermatologista para que ele identifique o real motivo daquela irritação e lhe prescreva os melhores tratamentos.

Afinal de contas, nem eu e nem você queremos ficar com aquela pele feia e a chance de passar um fim de semana todo dentro de casa. Então, agora você já sabe: se sua pele é sensível, tome todos os cuidados possíveis e tenha o rosto igual ao de um bumbum de nenê.


Thank You. Download Now