Não importa se você se liga mais nos desfiles ou na moda de rua, o Paris Men’s Fashion Week sempre mostra o que há de mais top na moda de roupas.

A variedade de estilos na semana do evento em Janeiro trouxe A$AP Rocky e A$AP Ferg vestindo as peças streetwear da grande Dior Homme, o Editor de Moda GQ Mobolaji Dawodu arrasando na sua criação de chapéus , além de David Beckham, Kate Moss e Xavier Dolan basicamente sentados na primeira fileira de Louis Vuitton… isso só pra falar sobre algumas celebridades.

Na sequência do London e Milan’s Pitti Uomo, o desfile de Paris funciona como uma medida universal no mundo da moda, uma referência internacional para as próximas tendências e peças chave.

As coleções Outono/Inverno 2017-2018 refletiram a paisagem em transição no mundo de hoje, fundindo moda e funcionalidade e retornando ao básico com peças clássicas versáteis, logotipos retrô e camisetas com mensagens de inclinação política.

Aqui estão as 10 peças top que mal podemos esperar chegarem às lojas.

 

1. Jaqueta Bomber Bernie Sanders Balenciaga

O Bernie Sanders pode até ter perdido a corrida presidencial, mas em questão de moda ele está em primeiro lugar. O designer da Balenciaga, Demna Gvasalia, subverteu a campanha de Sanders para criar produtos estampados da marca – camisetas, cachecóis e jaquetas bomber. Nós adoramos a ousadia da bomber azul, com o logo bordado nos ombros.

2. Broche Hardior

Apresentamos um toque de ‘tecno hardcore’ ao seu guarda-roupas com esses broches Hardior iguaizinhos àqueles da Dior Homme. Esse broche vai dar um toque bacana àquele blazer sem graça e te deixar com um jeitão mais jovem.

3. Estampa Phoenix da Balmain

A camuflagem de Olivier Rousteing combina-se com a coleção de alta costura que traz looks militares, malhas grossas e bordados de animais em forma de tigres e pássaros exóticos. A paleta de cores inclui o cáqui, preto e dourado; brilhante e glamoroso. Enquanto as jaquetas Balmain continuam se afirmando como um clássico do guarda-roupa, a gente também se liga nos detalhes sutis da sua estampa Phoenix que promete estourar em breve.

4. Jeans Normcore Dad da Ami

A marca francesa Ami é a definição do estilo parisiense – simples, clássico e refinado. Sem querer ostentar demais, a coleção da Ami FW 17/18 foi extremamente normcore, com a apresentação de camisas de flanela, malhas com losangos (Argyle) e casacos de tweed como peça de destaque. Faça um favor a si mesmo neste inverno: dê uma atualizada naquele seu jeans vintage da Levi’s e invista em um ‘Dad jeans’ da Ami – você vai usá-lo por décadas.

5. Cachecol OTT da Vetements

Prático e peça de destaque, um bom cachecol de inverno é indispensável. A Vetements cresceu bem rápido e se tornou uma It Brand. Você pode ter certeza que vai ver esse cachecol com a carinha smiley em todo canto nos próximos meses.

6. Jaqueta Rockmantic de Couro da Hermès

Para o FW17/18, a Hermès se concentrou em texturas e tecidos – blusões em pele de carneiro, calças em veludo e malhas de pele de ovelha. O look de destaque, contudo, foi a jaqueta preta com uma faixa contrastante de couro de crocodilo azul escura no centro da peça. É uma peça de transição perfeita – calças pretas sob medida ou jeans “toughen up” com mocassim fecham o look.

7. Terno Vermelho de Paul Smith

O vermelho foi literalmente uma das cores mais quentes no Paris Fashion Week. O Paul Smith sempre usou muitas cores, e dessa vez não foi diferente. Ele brincou com diferentes tipos de xadrez, combinando ternos, casacos de chuva, coletes e camisas. Fique de olho nessa dupla vermelha no tapete de mesma cor em breve.

8. Tênis Preto da Dior Homme

Se você já se encheu dos seus Stan Smiths brancos, mude a sua escolha da cor e compre um Dior Homme todo preto. Dando um toque excêntrico a essa coleção de tema rave, a coleção 17/18 da Dior Homme apresenta sapatos com fivelas estilo bondage e tiras que envolvem o calçado todo. Eles têm um quê de elegante e sexy, combinados com jeans ou até mesmo com ternos.

9. Cachecol Nothing da Lanvin

Sem logos, estampas doidas ou adornos – nada, bem como dizia o tema da coleção 17/18 da Lanvin. A questão era justamente retrabalhar o básico, transformar o sem graça em algo bonito. Considerando o atual cenário político, nós temos certeza que veremos um newsfeed lotado de influenciadores da Nothing da Lanvin nos próximos anos.

10. Louis Vuitton x Colaboração da Supreme

O ano mal começou e já temos essa colaboração para 2017. A parceria entre a Louis Vuitton e a Supreme deu o que falar em Paris com o monograma clássico da LV e o logo vermelho vibrante da Supreme em todos os acessórios e roupas. A capinha de celular em estilo baú já é sem dúvida um grande sucesso, embora a gente esteja um pouco reticente em relação às pochetes de couro usadas casualmente sobre os ombros.

Qual é então a sua peça favorita desta lista? 🙂