Todos nós já passamos por isso: você sabe que deve escolher o iogurte sem gordura, mas aquele iogurte de morango super açucarado parece muito mais apetitoso. Você não quer ir para casa tomar sopa de legumes (de novo!), então dá um jeito de comer um hambúrguer rapidinho no caminho.

É essencial que você tenha vontade de comer a comida que está no seu prato. Se ela não tiver o sabor delicioso, então as chances de a dieta não dar certo são imensas.

Para nós, você não precisaria escolher entre saúde e sabor: é possível unir os dois. Veja a seguir as nossas dez melhores dicas para tornar a sua comida saudável mais gostosa e ajudar você a escolher uma dieta saudável e não largá-la:

Asse os seus Legumes

Você é uma das milhares de pessoas que odeia o sabor de legumes ao vapor? Pode ser que os legumes nem sempre tenham um sabor delicioso, mas eles são uma das melhores maneiras de garantir que você esteja ingerindo uma boa variedade de vitaminas e minerais na sua dieta.

Se você quer tornar legumes insossos em alimentos mais saborosos e gostosos, a melhor maneira para fazer isso é assando-os. Quase todos os legumes podem ser assados, mas essa é uma técnica que funciona melhor com raízes e legumes mediterrâneos.

Asse pimentões com cebolas, tomates, abobrinha e até mesmo berinjela para criar a base perfeita para pratos italianos. Se você realmente não curte comer legumes, você pode misturar os legumes assados com um purê bem batido para criar um molho tipo de pizza ou um molho de massa bem saboroso.

Se a ideia for servir algo como acompanhamento de carne, cubinhos de legumes de raiz assados (tipo cenoura, batata doce ou nabo) ficam deliciosos. Você não vai acreditar em quanto esses legumes ficam mais saborosos e fartos quando assados.

Coloque Sal no Café

Não consegue sair da cama de manha sem uma boa xícara de café? A cafeína contida no seu café pode não ser a melhor para a sua saúde, mas se você precisa dela para funcionar…

Não consegue imaginar o mundo sem a sua xícara de café diária? Então pare de colocar açúcar no café! O açúcar não só vicia, mas também contém calorias que contribuem com o ganho desnecessário de peso.

Se você ainda quer ressaltar o sabor do eu café, e não consegue bebê-lo puro, deixe o açúcar de lado e coloque um pouquinho de sal marinho. Essa é uma técnica adotada com frequência por chefs poderosos para intensificar o sabor de bebidas quentes.

O sal salienta sabores sutis do café que talvez você nunca tenha sentido antes, além de neutralizar o amargor dos grãos.

Assim como açúcar em excesso, o excesso do sal deve ser evitado também. O sal causa retenção de líquido no corpo (dando um efeito inchado) e pode aumentar a pressão sanguínea, o que pode causar sérios efeitos no seu coração. Mas o sal é muito melhor para o seu peso do que o açúcar, e pode também trazer benefícios se consumido com moderação, então se a perda de peso é um objetivo, é uma opção muito melhor.

Experimente Arroz de Couve-Flor

Você já trocou o arroz branco pelo integral para diminuir o consumo de calorias, mas não consegue se acostumar com a textura áspera e sabor insosso? Experimente, então, o arroz de couve-flor.

Uma xícara de arroz de couve-flor contém só 25 calorias, comparativamente às 218 calorias contidas no arroz integral cozido. Isso significa que se você come muito e gosta de bater um pratão a cada refeição, não há problemas em se sentir culpado!

Além das baixas calorias, a couve-flor é também um super alimento: é o vegetal crucífero mais saudável que existe, cheio de vitaminas A, C e K, além de rico em potássio e fibra.

O arroz de couve-flor também é low carb, com apenas 5 gramas por xícara, e pode ser servido com quase qualquer alimento. Para dar um pouco mais de sabor e deixá-lo mais gostoso, sirva-o com curry de vegetais ou com chilli sem carne bem apimentado.

Gostou da ideia, mas não tem muito tempo para preparar? O arroz de couve-flor é muito mais fácil de fazer do que você imagina!

  1. Quebre alguns floretes de couve-flor crua em seu processador de alimentos e utilize a função pulse até atingir a textura de arroz.
  2. Transfira a couve-flor para uma frigideira pré-aquecida com uma colher de chá de óleo de coco virgem ou azeite de oliva.
  3. Mexa até que a couve-flor esteja pronta para degustar. O processo completo leva apenas 6 a 8 minutos.

Tudo ou Nada

Uma das melhores maneiras de fazer quase qualquer prato ficar mais gostoso é dar um bom toque de mix de ervas e temperos. Se a sua comida tem o sabor gostoso, é graças ao alho, pimenta ou outras ervas que você adicionou, e assim você não sente falta da gordura deixada de lado.

Reduzir a quantidade de gordura na hora de cozinhar a sua comida é uma das maneiras mais fáceis de tornar as suas refeições mais saudáveis, apesar de muitos de nós ainda usarmos a gordura para dar sabor aos alimentos.

Você pode concentrar e destacar o sabor dos seus pratos criando as suas próprias reduções e adicionando-as a cada prato. Quando você cria uma redução, você permite que o sabor fique mais forte, o que quer dizer que você não precisa adicionar gordura alguma para dar mais sabor.

Isso é ideal para dar sabor a carnes mais insossas (tipo frango ou peru) ou disfarçar sabores de legumes que você não curte muito (particularmente sabores fortes como o da berinjela).

Faça o seu Próprio Molho para Salada

Comer salada pode ser muito saudável, mas molhos comprados prontos tendem a ter muito açúcar, sal e gordura, o que significa que muitos de nós deveríamos evitá-los. Mas uma tigela de salada sem molho nunca proporcionará uma grande explosão de sabores!

Não se preocupe, você pode complementar a sua salada com molho sem culpa alguma: contanto que você faça esse molho em casa.

Os melhores molhos para salada são feitos de duas medidas de óleo para uma ácida. Você escolhe os ingredientes. Você pode experimentar o azeite de oliva, o óleo de abacate ou óleo de canola, se você estiver buscando gordura mais saudável. E os alimentos ácidos mais saborosos incluem o limão, a lima ou o vinagre.

Um dos meus molhos para salada favoritos que é rápido e fácil de fazer é o balsâmico, com duas medidas de azeite de oliva para uma de vinagre balsâmico curtido. Para dar um toque extra (se você tiver tempo), você pode fazer infusão de pimenta do reino aquecendo a 65 graus célsius. Esfrie e sirva.

Você Já é Doce o Suficiente!

Lutando para lidar com a vontade de comer doces, mas não quer entregar o pontos? Existem outras maneiras de satisfazer a sua necessidade por doces sem se entregar a eles.

Nossos cérebros são programados para desejar alimentos doces, então é perfeitamente normal que você deseje comer algo doce de vez em quando. Mas satisfazer esses desejos naturalmente é muito mais fácil do que você imagina. Frutas, como a maçã, banana e frutas vermelhas são ótimas para dar o arremate doce às nossas refeições. Frutas secas, como a tâmara e a passa, têm o mesmo efeito.

Se você estiver em busca de alimentos mais doces, o mel natural e o xarope de maple são extremamente doces, mas ainda muito melhores para você do que o açúcar. A mesma regra se aplica ao néctar de agave ou ao leite de coco.

Colocar frutas em iogurtes naturais ou mel no mingau de aveia é um bom jeito de satisfazer a vontade de comer doces já no começo do dia. Se você adora sobremesa e quer uma dose boa de açúcar e carboidrato, experimente uma torrada de frutas e castanhas. É só colocar frutas secas e castanhas em uma fatia de torrada integral e salpicar com xarope de maple para criar uma deliciosa sobremesa doce.

Com Cara Boa!

A comida tem o sabor melhor quando ela parece gostosa. Então, se você quer que o seu jantar esteja delicioso, pense na apresentação do prato: não é só despejar a comida no meio da tigela. Separe cada elemento e torne-o apetitoso.

Pensem em como as suas comidas favoritas são preparadas quando você come fora: como o seu restaurante favorito serve aquele frango que você adora? Recriando a apresentação do seu prato e tornando a sua comida apetitosa é provável que você tenha muito mais vontade de comer.

Não esqueça de decorar o eu prato com um toque de ervas. Isso não só proporciona mais cor ao prato, mas também torna-o muito mais saboroso. As ervas podem ser usadas em qualquer prato que tenha aparência um pouco sem graça.

Compre Vegetais e Legumes da Estação

Na hora de comprar vegetais, é importante garantir que eles estejam frescos. Compre vegetais da estação na sua região, para que a comida preparada fique saborosa tanto quanto possível.

Vegetais importados ou velhos (2 dias) perdem não só seu frescor, mas também seus nutrientes vitais, o que quer dizer que você poderia estar se forçando a comer alimentos que você não curte sem muito propósito.

Se os vegetais que você quer comprar não estiverem na estação, opte por opções congeladas, uma vez que eles são congelados após a colheita, garantindo o frescor no momento de cozinhá-los.

A melhor maneira de garantir que os vegetais estejam frescos é comprá-los em mercados locais ou empórios e consumi-los em um ou dois dias após a compra. Isso não só garante que o vegetais contenham todas as vitaminas e minerais que você precisa, mas também ajudam no sabor e no frescor do alimento.

Foco é Tudo

Quando você está comendo é importante evitar distrações. Portanto, coloque o celular de lado, saia do computador e desligue a televisão.

Comer quando estamos distraídos com outras coisas pode faz com que se consuma 40% calorias a mais do que o normal. Isso porque o nosso corpo está ocupado demais focado em outras coisas que não consegue “escutar” a nossa fome, e é provável que a gente coma muito mais do que precisamos.

Foque no que você está consumindo. Escute o seu corpo. Curta cada garfada e pare quando você já tiver comido a quantidade necessária: você pode comer algo mais tarde se tiver fome, mas comer demais vai fazer você se sentir cheio, lento e desconfortável. Isso deve ser evitado sempre que possível.

Compartilhar é Cuidar

Finalmente, se a ideia de comer alimentos saudáveis que você criou te deixa para baixo, e você não tem os ingredientes (ou a energia) para melhorar um pouco o prato, que tal tentar tirar uma foto?

Pesquisas mostram que compartilhar fotos de pratos em redes sociais (sim, no Instagram) realmente melhora a nossa experiência ao consumir o alimento, independente do sabor.

De acordo com a revista Cooking Light, isso se explica da seguinte maneira: “Quando os participantes do estudo souberam que outros indivíduos estavam tirando foto e saboreando os mesmos alimentos saudáveis que eles iam fotografar e saborear (com hashtags, por exemplo), a experiência prazerosa de comer o alimento saudável foi maior do que quando a informação não foi recebida.”

Então, se a ideia de beber um smoothie de couve (de novo) te deixa depressivo, mas você está vendo os resultados no seu corpo e músculos, tire uma foto e poste.

Conclusão

Comer saudável é um dos componentes básicos para uma vida saudável e a garantia de vida longa e feliz. Mas isso não quer dizer que a comida que você coloca no seu prato precise ser insossa e sem graça. Seguindo uma ou duas dicas da lista, você já ajuda a reativar a sua paixão pela comida e se anima em ir para a cozinha.

Quanto mais você se ajuda a curtir a comida que você faz em casa, menores as chances de você se entregar à comida de restaurante e delivery, ou máquinas de doces no caminho para casa depois da academia.


Thank You. Download Now